Trocos marcam o BRPF 2015!

Publicado: 2 de novembro de 2015 em Notícias

Termina o Brazil Pump Festival de 2015! Os dias 31 de outubro e 01 de novembro entraram para a história com um lindo campeonato, desta vez em Belo Horizonte (MG). Confira os resultados:

Speed Feminino:
1º Cilly (PB) / 2º Sabrina (SP) / 3º Jaque (SP)

Speed Masculino com barra:
1º Lukinhas (SP) / 2º Gabaum (SP) / 3º Ewerton (SP)

Speed Masculino:
1º Ewerton (SP) / 2º Aquino (SP) / 3º Gui (RJ)

Free Style:
1º Gabaum (SP) / 2º Mr Loner (PR) / 3º Iordan (PB)

BRPF 2015

Torneio high tech! Transmissão rolando durante todo o evento pelo canal Pump BR Twitch , com direito a vídeo em tempo real, além de comentários, depoimentos, apresentações sobre a história da Pump, lançamento de aplicativo para acompanhar o desempenho do jogador etc.

Mas por que o título da matéria é “Trocos marcam o BRPF 2015”???

1) No Campeonato Nordestino (NEtão) deste ano, Sabrina faturou o ouro, deixando Cilly pra trás. Adivinhem o que aconteceu no nacional?

2) Também no NEtão, Iordan foi o vencedor, com Mr Loner em segundo lugar. Pois veio o troco de volta! O detalhe é que eles não contavam com um Gabaum no meio do caminho!

3) Em 2014, no BRPF, Aquino venceu Ewerton na final do Speed Masculino. Olha o troco mais uma vez!

Quantas surpresas… Cilly não ia para o evento, por falta de grana, mas através de uma vaquinha organizada online entre amigos e conhecidos dos amigos, foi e venceu! E vejam o Gabaum: o papa troféu, que já tinha faturado top 3 em todas as categorias do nacional de 2013 (Salvador/BA), super conhecido como craque de Speed, ganhou o ouro do STYLE!!! Pode isso? De Aquino e Ewerton já falamos… Claro que não podemos deixar de falar do Lukinhas, campeão do Speed Masculino com barra. É estreante no hall da fama dos cavaleiros de ouro!

Fotos e vídeos em breve, aparecendo aos poucos no canal Pump BR. Enquanto isso, confiram o vídeo da final do Speed Masculino de barra.

BRPF 2015 de cara nova

Publicado: 2 de outubro de 2015 em Notícias

Para celebrar os dez anos de campeonatos nacionais no país, o BRPF deste ano está com website:

Confira programação, detalhamento de regras, esquema online para inscrição, além de um pouco da história do Pump It Up desde 2005.

Belo Horizonte aguarda você!

Instituto de Ciências Biológicas da UFMG

Instituto de Ciências Biológicas da UFMG

CNP 10 anos

Publicado: 16 de julho de 2015 em Notícias

Há exatamente dez anos começou o primeiro Campeonato Nacional de Pump It Up. Acompanhe a história.

Em maio de 2005, através de seu site oficial, a empresa criadora do Pump It Up Andamiro anunciou que aconteceria em novembro o primeiro campeonato mundial (World Pump Festival WPF). Alguns países receberam o direito de participar, de acordo com a vendagem de máquinas, e o Brasil estava no meio.

Para poder mandar pelo menos um representante, cada país precisou organizar uma competição oficial por meio dos diretos da Andamiro, os supporters. Assim, a equipe brasileira levou a competição ao evento Anime Friends, dentro da Faculdade Santana na capital paulista, nos dias 16 e 17 de julho. Era período de férias e, por causa do pouco tempo disponível para ser planejado algo maior, entenderam que seria a melhor maneira de atrair pumpers.

1º Campeonato Nacional

1º Campeonato Nacional / Campeões no centro à direita: vermelho – Takahashi (Speed), Legal (Free Style) e Dini (melhor colocada entre as mulheres no Speed)

Competidores de Nordeste, Sudeste, Centro-Oeste e Sul compareceram. Categorias: Speed Dance Misto e Free Style. As imposições nas regras pegaram o Brasil de surpresa, pois forçou muita gente a jogar diferente de como fazia. As principais mudanças foram as fases single do Speed (na época chamadas de Crazy) serem jogadas sem a barra e o Free Style ter critérios de julgamento padronizados. A divisão do Speed em Masculino e Feminino só veio a acontecer em 2006. Resultados: Speed – Jorge Takahashi (DF) e Free Style – Lucas Rodrigues “Legal” (SP). A melhor representante feminina no Speed foi Laura Pataro “Dini” (BH). Posteriormente, através de um acordo entre supporters e a Andamiro, o segundo lugar do Free Style também participou do WPF, sendo esse Thiago Campos “Black”. Legal conquistou a prata, Black o quarto lugar e Takahashi o 9º. Legal participaria ainda de diversas edições nacionais, se tornando pentacampeão aqui e três vezes vice-campeão mundial (na companhia de Fabrício Veloso “Faber” de 2006 em diante), Black conquistaria a prata nacional em 2006 e o bronze em 2007, sem competir em novos mundiais, e Takahashi interromperia a carreira no mesmo ano em que conquistou o CNP 2005.

A competição ainda renderia aos representantes de Free Style cobertura midiática nacional. Seus treinos foram registrados pelo programa “Fantástico”. Assista aqui.

O primeiro campeonato nacional mobilizou todo o país a correr atrás de atualização das máquinas e incentivou diversas pessoas a treinarem de acordo com as novas regras oficiais. Confira aqui mais dados sobre o primeiro CNP. O nome foi fixado em Brazil Pump Festival BRPF seguindo o exemplo de outros países somente em 2011. Já foi chamado também de Festival Brasileiro de Pump (FBP) e Campeonato Brasileiro de Pump (CBP). Em 2015 o torneio acontece em Belo Horizonte, nos dias 31 de outubro, 1º e 2 de novembro. Minas sedia pela terceiria vez (2008 / 2011). Dentre diversas atividades, uma das atrações é resgatar a memória dos 10 anos de campeonatos nacionais. Curiosamente, o principal organizador, Renan Lara “Nariz de 12” foi um dos supporters organizadores do evento de 2005.

Coreografia de Legal em Clap Your Hands (campeão de 2005)
Anúncio dos campeões
WPF 2005 completo